Início » Arquivos para Tulio Lemos » Página 97

Tulio Lemos


TURISMO: RN INICIA CAMPANHA NO MERCADO EUROPEU

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: DIVULGAÇÃO/EMPROTUR

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte, por meio da Empresa Potiguar de Promoção Turística (Emprotur), deu início à parceria com a operadora de viagens Logitravel Group, que atua no mercado europeu desde 2004 e é líder de vendas online. 

Em encontro na última quarta-feira, 19, na Feira de Turismo de Madrid (Fitur), a secretária de Turismo do RN Aninha Costa, e a diretora-adjunta da Logitravel Group Mariana Silvério Duque, firmaram oficialmente o acordo para início das ações promocionais.

A colaboração se dará por meio da criação de campanha de marketing digital, com ativação em mídias on e off. Peças inspiracionais dos principais destinos do estado e ação com influenciadores digitais também estão presentes no plano de ação, que busca alavancar a procura pelo RN internacionalmente, colaborando com a retomada e a performance de vendas das cias aéreas, hotelaria e demais serviços de turismo. 

“Estamos animados para iniciar essa parceria com a Emprotur e com ela posicionar o Estado do Rio Grande do Norte aqui no mercado espanhol, um destino brasileiro paradisíaco e com uma vasta diversidade de segmentos e atrativos turísticos”, destacou a diretora-adjunta da Logitravel, Mariana Silvério Duque.


Compartilhe esse post

EUA REALIZA TRANSPLANTE DE RIM DE PORCO EM HUMANO

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: REPRODUÇÃO/UNIVERSIDADE DO ALABAMA EM BIRMINGHAM

Um rim de porco foi transplantado para um corpo humano, anunciou nesta quinta-feira, 20, uma equipe médica dos Estados Unidos, a segunda operação do tipo e a primeira realizada dentro do corpo de um paciente, que estava em estado de morte cerebral.

O procedimento, realizado por médicos da Universidade do Alabama em Birmingham (UAB) e descrito em um artigo científico publicado no periódico American Journal of Transplantation – revisado por pares -, ocorre após o transplante bem-sucedido de um coração suíno em uma pessoa no início do mês.

“Os resultados de hoje são uma conquista notável para a humanidade e fazem avançar o xenotransplante no âmbito clínico”, comentou Selwyn Vickers, reitor da Escola Heersink de Medicina da UAB, que realizou o procedimento.

“Os rins transplantados filtraram sangue, produziram urina e, o mais importante, não foram imediatamente rejeitados”, disse a UAB em comunicado.

Espera-se que os avanços no campo dos chamados xenotransplantes, ou transplante de órgãos interespécies, um dia resolvam a escassez crônica de doações de órgãos humanos.

A equipa da UAB indicou que este procedimento está a um passo de se tornar uma realidade clínica. Eles planejam passar para testes em humanos em breve e, em seguida, buscar aprovação regulatória para esses tipos de intervenções.

Um primeiro rim de porco já havia sido transplantado em um humano por uma equipe da Universidade de Nova York (NYU) em 25 de setembro de 2021 e envolveu um paciente com morte cerebral, cuja família havia dado permissão para o experimento. Neste caso, porém, o órgão foi colocado fora do corpo.

Esse procedimento em particular envolveu anexar um rim aos vasos sanguíneos na parte superior de uma das pernas do paciente, para que os cientistas pudessem examiná-lo e coletar amostras de biópsia.

A mesma equipe realizou outro experimento semelhante em 22 de novembro.

Atualmente, as válvulas cardíacas de porco são amplamente utilizadas em humanos, e a pele de porco é enxertada em vítimas de queimaduras.

Os porcos são doadores ideais devido ao tamanho de seus órgãos, seu rápido crescimento e grandes ninhadas, e já são criados como fonte de alimento.

Com informações do Portal R7


Compartilhe esse post

GOVERNADORES DO NE PEDEM URGÊNCIA NA COMPRA DE CORONAVAC AO MINISTÉRIO DA SAÚDE

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: BRENO ESAKI/AGÊNCIA SAÚDE DF

O Consórcio de Governadores do Nordeste enviou, na noite de quinta-feira ,20, um ofício ao Ministério da Saúde cobrando a “compra urgente” da vacina Coronavac contra a Covid para crianças e adolescentes de 6 a 17 anos de idade.

O ofício, assinado por Paulo Câmara (governador de Pernambuco e presidente do Consórcio Nordeste), foi enviado diretamente ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.

No documento, o grupo afirma que a vacinação de crianças e adolescentes contra a Covid-19 precisa ser completada de forma “urgente”, diante do avanço da variante Ômicron no país.

“Tal medida deve ser tomada em caráter de absoluta urgência, algo absolutamente compatível com as atribuições deste ministério. Fazemos tal pedido como decorrência do compromisso na busca de soluções para a erradicação de tão terrível pandemia. Nessa condição e certo de vossa compreensão, colocamo-nos inteiramente à disposição para a realização de eventuais reuniões ou esclarecimentos”, pontuam os governadores.

Veja o ofício:


Compartilhe esse post

CONTRA VACINA, ATRIZ ELIZANGELA É INTERNADA EM ESTADO GRAVE COM SEQUELAS DA COVID

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: REPRODUÇÃO/REDES SOCIAIS

A atriz Elizangela foi internada em estado grave com sequelas respiratórias da Covid-19 nessa quinta-feira, 20. Segundo a prefeitura de Guapimirim, na Baixada Fluminense, a atriz chegou passando muito mal ao Hospital Municipal José Rabello de Mello e quase teve que ser intubada.

De acordo com o G1, nesta sexta-feira, 21, a atriz encontrava-se estabilizada, no CTI. Os testes recentes apontaram, no entanto, que a atriz não tem mais o vírus da Covid.

Segundo a assessoria da artista, Elizangela é “bem rebelde” e radicalmente contra a vacinação — como deixa claro em suas redes sociais, onde já chegou a comparar a vacina com estupro. Ela não tomou nenhuma dose do imunizante contra a doença.


Compartilhe esse post

NÃO HÁ DISCUSSÃO SOBRE PASSAPORTE DE VACINA NAS ELEIÇÕES, DIZ TSE

  • por
Compartilhe esse post

MINISTRO LUÍS ROBERTO BARROSO. FOTO: REPRODUÇÃO

Em esclarecimento às falsas informações que tem circulado sobre a exigência de passaporte de vacina para que o eleitor possa votar nas Eleições 2022, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu que não há nenhuma definição sobre o assunto.

O presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, reiterou ainda, que não ocorreu, até o momento, nenhuma cogitação da Justiça Eleitoral acerca do tema e que a afirmação “simplesmente não tem qualquer fundamento”. Barroso ainda acrescentou que “na ocasião própria, com a consultoria de especialistas, como foi feito em 2020, serão tomadas as medidas sanitárias que vierem a ser recomendadas”.

Nas últimas eleições, para conter a disseminação da Covid-19, o TSE ouviu diversos médicos, cientistas e autoridades em saúde antes de adotar o protocolo para que os cidadãos pudessem exercer o direito ao voto e escolher prefeitos e vereadores nos 5.567 municípios brasileiros.


Compartilhe esse post

COVID: GOVERNO FEDERAL PUBLICA REGRAS PARA ENTRADA NO PAÍS

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL

O governo federal publicou nesta sexta-feira, 21, no Diário Oficial da União, as regras para entrada de nacionais e estrangeiros no Brasil. A medida visa combater a disseminação do coronavírus.

Segundo a portaria, as medidas não se aplicam a trabalhadores do transporte de cargas, desde que: utilizem equipamentos de proteção individual e sigam as normas de prevenção da covid-19 em vigência no Brasil.

As regras para entrada são:

1 – Via aérea:
apresentação de teste de covid-19 com resultado negativo ou não detectável (teste de antígeno realizado em até 24h antes do embarque ou RT-PCR realizado em até 72h anteriores ao embarque);
apresentação da Declaração de Saúde do Viajante preenchida em, no máximo, 24h antes ao embarque;
apresentação de comprovante de vacinação.

Há exceções para a obrigatoriedade da vacinação:

Motivos médicos que impeçam a aplicação do imunizante, comprovados por laudo médico;
Pessoas não elegíveis para a vacinação, conforme critérios estabelecidos pelo Ministério da Saúde;
Viajantes de países com baixa cobertura vacinal, conforme definição do Ministério da Saúde;
Razão humanitária excepcional.

Sem o comprovante de vacinação, é preciso ficar em quarentena por 14 dias. O tempo de isolamento cai para 5 dias caso seja feito um teste, com resultado negativo, ao 5º dia.

“Os brasileiros e estrangeiros residentes no Brasil, que saíram do país até 14 de dezembro de 2021, estão dispensados da apresentação de comprovante de vacinação ou de quarentena no regresso”, lê-se na portaria.

2- Via terrestre
É necessária apresentação de comprovante de vacinação. O documento deixa de ser obrigatório, além dos casos citados acima, nas seguintes situações:

durante execução de ações humanitárias transfronteiriças previamente autorizadas pelas autoridades sanitárias locais;
tráfego de residentes fronteiriços em cidades-gêmeas, mediante a apresentação de documento de residente fronteiriço (desde que seja garantida a reciprocidade no tratamento ao brasileiro pelo país vizinho);
3 – Via aquática
Segundo a portaria, as regras específicas para a entrada no Brasil por transporte aquaviário ficam condicionadas “à edição prévia de Portaria pelo Ministério da Saúde”.

O ministério “deve dispor sobre o cenário epidemiológico, a definição das situações consideradas surtos de Sars-Cov-2 (covid-19) em embarcações e as condições para o cumprimento da quarentena de passageiros e de embarcações”.

As definição das medidas também está condicionada a manifestação de Estados e municípios, que devem estabelecer “as condições para assistência em saúde dos passageiros desembarcados em seus territórios e para execução local da vigilância epidemiológica ativa”.

O governo determina que “as condições sanitárias para o embarque e desembarque de passageiros e de tripulantes em embarcações de cruzeiros marítimos situadas em águas jurisdicionais brasileiras, inclusive aquelas com tripulação estrangeira e sem passageiros a bordo provenientes de outro país, serão definidas em ato específico da Anvisa [Agência Nacional de Vigilância Sanitária]”.

Com informações do Poder360


Compartilhe esse post

GOVERNADORES USAM OBRAS PARA FORNECER ÁGUA COMO ATIVO ELEITORAL EM 2022

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: GOVERNO DA BAHIA

Na busca pela ampliação da popularidade para as eleições de 2022, governadores do Nordeste intensificaram nos últimos meses anúncios e inaugurações de obras ligadas à segurança hídrica.

A ampliação do fornecimento de água é um dos maiores desejos do eleitorado da região. Houve inaugurações de obras concluídas, vistorias ou novas promessas de entregas, como construção de adutoras e ampliação do abastecimento de água por meio das companhias estaduais responsáveis pelo setor.

“Esse é o tipo de ação preferida dos governadores porque, além do desemprego e segurança pública, a falta de água é apontada em pesquisas no Nordeste como um dos principais problemas para a população”, afirma o cientista político Adriano Oliveira, da UFPE (Universidade Federal de Pernambuco).

O governador da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), fez périplo por cidades do interior ligado ao abastecimento de água. Esteve na última semana de novembro na cidade de Monteiro, na região do Cariri, para fazer uma vistoria na estação de tratamento do Sistema Rigideira, que faz parte do sistema de abastecimento da região.

Cerca de 900 famílias serão contempladas quando o projeto for concluído, mas o governador já indicou a possibilidade de ampliação para 1.200 famílias. Ao todo, são investidos mais de R$ 20,2 milhões na obra, que é realizada em parceria com o governo federal.

Apesar de o número ser aparentemente pequeno em relação ao eleitorado da Paraíba, a medida pode se converter em ativo eleitoral, já que, além de populares, a ampliação poderá beneficiar comércios locais.

O cientista político Adriano Oliveira afirma que é a inauguração efetiva de obras ligadas aos recursos hídricos o que mais rende dividendos eleitorais. “Anúncios de obras podem trazer retorno eleitoral, mas o que vai garantir esse retorno é a entrega da obra, ou seja, a chegada da água na torneira. Não adianta apenas anunciar, porque isso gera uma expectativa, e pode trazer um retorno eleitoral, mas não é uma garantia”, diz.

Em paralelo, o governador da Paraíba aproveitou para firmar posicionamento em defesa da segurança hídrica. Recentemente, após visita ao ministério do Desenvolvimento Regional, o gestor cobrou a implantação de uma adutora para levar água ao brejo paraibano, região com mais de 115 mil habitantes.

João Azevêdo vai tentar a reeleição em 2022 e quer fazer um contraponto ao governo federal, chefiado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), com alta rejeição no Nordeste.

Querendo eleger o sucessor, o governador da Bahia, Rui Costa (PT), entregou em novembro, na cidade de Ubaíra, uma obra de captação alternativa para o sistema de abastecimento de água da cidade e de municípios vizinhos.

Durante as inaugurações, é comum o governador e seus aliados fazerem menções ao senador Jaques Wagner (PT-BA), antecessor de Rui no governo da Bahia e que é pré-candidato ao posto em 2022.

A governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), que vai tentar a reeleição em 2022, lançou no final de outubro um plano estadual para atenuar os efeitos da seca. No evento, foram anunciados como prioridade a instalação e perfuração de poços, fornecimento de benefício emergencial para os mais afetados e ampliação do abastecimento.

O estado é um dos mais afetados pela seca, com mais de 95 cidades em situação grave, de acordo com dados de novembro do Monitor das Secas, levantamento coordenado pela Agência Nacional das Águas.

Aliados da governadora Fátima Bezerra têm usado anúncios para fazer críticas ao governo federal, impulsionados por uma razão peculiar. Isso porque o ministro do Desenvolvimento Regional é o potiguar Rogério Marinho, que deverá disputar o Senado nas eleições de 2022 no palanque de oposição ao PT do Rio Grande do Norte.

Marinho se apresenta como o responsável por levar a água da transposição do Rio São Francisco ao interior do Rio Grande do Norte. Ele promete entregar a expansão para o território potiguar neste mês e deverá usar a concretização durante a propaganda eleitoral.

No Maranhão, o governador Flávio Dino (PSB) fez a entrega de abastecimento de água de Vargem Grande, uma das maiores cidades do estado. A medida beneficiará cerca de 40 mil pessoas, segundo estimativa do governo estadual. Um dos maiores desafetos do presidente Jair Bolsonaro, Dino é pré-candidato ao Senado Federal.

A situação não é diferente para o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), também cotado para a disputa do Senado. O petista posou para fotos segurando mangueira com água enquanto anunciava um pacote de medidas para fortalecer o abastecimento em Aquiraz, na região metropolitana de Fortaleza.

Apesar de estar próxima à capital cearense, a cidade de mais de 80 mil habitantes recebe intervenções para fortalecer o abastecimento de água. A presença do governador em anúncios similares em outras cidades da Grande Fortaleza deve se intensificar nos próximos meses, segundo interlocutores.

Em Pernambuco, o governador Paulo Câmara (PSB), que almeja eleger um sucessor do mesmo partido, já percorreu todas as regiões do estado desde setembro. Os maiores focos de obras ligadas ao abastecimento de água estão no sertão e no agreste, região mais atingida pela seca no estado.

A medida faz parte de uma estratégia para se contrapor ao grupo político do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), líder do governo Bolsonaro no Senado Federal até meados de dezembro. Na eleição de 2014, quando se elegeu pelo PSB, um dos slogans de campanha de FBC, como é conhecido em âmbito local, era “o senador das águas”.

Bezerra Coelho usava como discurso as realizações durante o período em que chefiou o Ministério da Integração Nacional no primeiro governo de Dilma Rousseff (PT). Ele é o principal articulador político da candidatura do filho, Miguel Coelho, prefeito de Petrolina, a governador.

No dia 23 de novembro, o governador Paulo Câmara teve uma reunião com representantes do Banco Mundial para articular a captação de verbas para recursos hídricos em áreas rurais do estado.

O governo de Pernambuco também melhorou a capacidade para aquisição de empréstimos. Aliados de Paulo Câmara relatam que recursos serão direcionados para a mitigação da estiagem, sobretudo no sertão, para se opor ao grupo dos Coelhos.

Por José Matheus Santos/Folhapress


Compartilhe esse post

BOLSONARO ANULA RESTRIÇÕES A VOOS DE PAÍSES AFRICANOS

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: REPRODUÇÃO/CNN BRASIL

No Diário Oficial da União desta sexta-feira, 21, Bolsonaro revogou a Portaria Interministerial nº 663, de 20 de dezembro de 2021, que proibia voos internacionais com origem ou passagem por África do Sul, Botsuana, Essuatini, Lesoto, Namíbia e Zimbábue e que estabelecia protocolos específicos para voos de cargas nas mesmas condições.

A portaria também suspendia a autorização de embarque de viajantes estrangeiros com passagem por estes países nos quatorze dias anteriores à viagem.

As restrições a voos de países africanos, foram impostas no fim do ano passado, após o surgimento da variante Ômicron da Covid-19.


Compartilhe esse post

”INTIMIDADE DO CLÔ: EX-ASSESSOR ADMITE RACHADINHA NA FAMÍLIA DE BOLSONARO

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: REPRODUÇÃO/REDES SOCIAIS

O aposentado da Marinha Mercante Waldir Ferraz, ex-servidor do gabinete do presidente Jair Bolsonaro e autointitulado o amigo “Zero Zero” do presidente, admitiu em entrevista à Revista Veja, que foram montados esquemas de rachadinha em três gabinetes do clã Bolsonaro. Ferraz, conhecido como Jacaré, no entanto, tentou culpar Ana Cristina Valle, ex-esposa do presidente, pelo esquema.

A amizade entre os dois começou há mais de três décadas a partir da insatisfação que ambos compartilhavam com os baixos salários pagos aos oficiais. Desde então, só se fortaleceu.

“Ela (Ana Cristina Valle) fez nos três gabinetes. Em Brasília, aqui no Flávio e no Carlos. Ela que fazia, mas quem é que assinava? Quem assinava era ele (Jair Bolsonaro). É batom na cueca.”

De acordo com Jacaré, a rachadinha entrou nos gabinetes da família do presidente ainda na década de 90, quando ele exercia mandato de deputado federal. Naquela época, Ana Cristina, então casada com um sargento, começou a se aproximar de Bolsonaro, quando participava de um movimento de mulheres de militares que reivindicava aumento no soldo dos maridos. Jacaré conta que ela foi se “infiltrando” e rapidamente ganhou a confiança de Bolsonaro, com quem iniciou um relacionamento amoroso. Logo, Ana Cristina recebeu carta branca para administrar o gabinete de Bolsonaro na Câmara dos Deputados. Teria começado aí a história de décadas de rachadinha na família presidencial.

FOTO: REPRODUÇÃO/VEJA

Segundo Jacaré, o esquema funcionava da seguinte maneira: responsável por uma cota de contratações, Ana Cristina recolhia documentos de algumas pessoas, abria contas bancárias em nome delas e embolsava grande parte de seus salários. Muitas vezes, o funcionário era fantasma e nem sequer tinha conhecimento de que estava oficialmente empregado no gabinete de Bolsonaro. Jacaré alega que quem já trabalhava com o ex-capitão antes da chegada de Ana Cristina, como ele, não participava do esquema.

“Ela é muito perigosa. É uma mulher que quer dinheiro a todo custo. Às vezes, ela vai ao cercadinho, frequenta o cercadinho. É uma forma de chantagem. A gente nem toca nesse assunto pra não deixar o cara de cabeça quente.”, disse ele à Veja.

O amigo do presidente tentou isentá-lo da responsabilidade: “Ele quando soube, ficou desesperado, era uma fria. O cara foi traído. Ela que começou tudo. Bolsonaro nunca esteve ligado em nada dessas coisas. O cara não tinha visão do que estava acontecendo por trás no gabinete. Às vezes o chefe de gabinete faz merda, e o próprio deputado não sabe. Mesmo o deputado vagabundo não sabe, só vem a saber depois”.

A Veja também ouviu Ana Cristina, que negou ser mentora das rachadinhas e destacou que quem dava as ordens no gabinete era Bolsonaro.

“Não sou mentora da rachadinha. Ele [Bolsonaro] me chamava de sargentona, mas quem mandava no gabinete era ele. Quem assina as nomeações e exonerações é o parlamentar. Não faz sentido assinar sem ler porque todos eles são bem instruídos”, declarou a ex-esposa do presidente.


Compartilhe esse post

FECOMÉRCIO RN ASSINA CONVÊNIO COM BANCO DO BRASIL PARA FORNECER CONDIÇÕES DIFERENCIADAS ÀS MPES

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: DIVULGAÇÃO

A Fecomércio Rio Grande do Norte assinou, nessa quinta-feira, 20, o Acordo de Cooperação Técnica com o Banco do Brasil, por meio da sua Superintendência Regional. O documento irá direcionar consultoria e condições especiais para as micro e pequenas empresas do Rio Grande do Norte atendidas pelo projeto Ecossistemas de Competitividade e Inovação em Comércio e Serviços (ECICS), desenvolvido pela Federação. 

O presidente da Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, afirmou que a entidade patronal é parceira daqueles que fazem o desenvolvimento econômico do estado e tem trabalhado para ampliar parcerias que visem beneficiar os empresários potiguares. “Esse acordo que assinamos hoje é mais uma alternativa de solução financeira para o empresariado, principalmente aqueles de menor porte, que hoje correspondem a 96% das empresas do estado. Esse público é alvo das ações do projeto ECICS, que hoje atende aos empresários do bairro de Pajuçara e será expandido para outros bairros polos comerciais”, comentou Queiroz. 

A superintendente estadual do Banco do Brasil, Priscila Requejo, se disse honrada em oficializar esta parceria com a Fecomércio, entidade conceituada em todo o RN e com o trabalho reconhecido. 

“A união das marcas entre as entidades me deixa tranquila, por conhecer e ouvir o trabalho desenvolvido pelo Sistema Fecomércio. Nosso objetivo é apoiar os micro e pequenos empresários, dando condições especiais nesse momento de recuperação econômica. Gerar ainda proximidade com os empresários, dando a eles uma opção de consultoria e orientação financeira para atravessar esse momento de forma mais saudável possível”, apresentou Requejo. 

O diretor de Inovação e Competitividade da Fecomércio RN, Luciano Kleiber, que fez as tratativas com a equipe técnica do Banco, agradeceu o empenho do time. “Pedimos algumas ações para atender as necessidades das empresas potiguares e formos prontamente atendidos. Acredito que está é uma semente para os novos projetos que vamos fazer a curto, médio e longo prazo”, comentou. 

Saiba mais 

Para as micro e pequenas empresas potiguares, em especial as atendidas pelo projeto ECICS, os benefícios oferecidos pelo Banco do Brasil são: isenção de taxas, orientação e apoio para gerenciamento de Fluxo de Caixa, com a oferta de produtos/serviços compatíveis com o ramo e a necessidade da empresa e com tarifas reduzidas em até 80%, além de consultorias para análise de capacidade financeira; estruturação de operações de crédito com o menor custo possível e aderentes à capacidade da empresa; disponibilização de cursos oferecidos pela Universidade Corporativa do Banco do Brasil (UNIBB); criação de página direcionada à Fecomércio RN para divulgação dos benefícios e divulgações nas redes sociais do Banco. 


Compartilhe esse post

NOVO DECRETO COM EXIGÊNCIA DE PASSAPORTE VACINAL COMEÇA A VALER NESTA SEXTA

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: REPRODUÇÃO

O decreto do Governo do Estado, que traz novas medidas baseadas na Recomendação n° 33 do Comitê de Especialistas da SESAP/RN para o Enfrentamento da Pandemia pela COVID-19, começa a valer nesta sexta-feira, 21.

As medidas são a exigência do passaporte vacinal, como já existe, com maior rigor para os eventos públicos e privados, bares e restaurantes, tanto em áreas fechadas como em áreas livres com capacidade acima de 100 pessoas. Centros comerciais e shoppings com ar-condicionado também devem exigir o passaporte da vacina.

Recomenda ainda aos municípios a suspensão de todos os eventos de rua até 16 de fevereiro, uma vez que nestes casos não é possível exigir o passaporte vacinal.

Permanece em vigor o dever geral de proteção individual no Estado do Rio Grande do Norte, consistente no uso obrigatório de máscara de proteção facial por todos aqueles que, independentemente do local de destino ou naturalidade, ingressarem no território do Rio Grande do Norte.

Os suspeitos por apresentarem sintomas da COVID-19 deverão ser afastados de todas as atividades e instruídos a permanecer em isolamento total, nos termos do Guia de Vigilância Epidemiológica do Ministério da Saúde, caso confirmada a contaminação ou inconclusivos os resultados dos exames, até que sejam cessados, neste último caso, os motivos da suspeita de contaminação.

Os segmentos socioeconômicos de alimentação, a exemplo de bares e restaurantes, bem como centros comerciais, galerias e shopping centers que utilizem sistema artificial de circulação de ar deverão realizar o controle de entrada de cada indivíduo nas suas dependências, mediante comprovação do esquema vacinal em conformidade ao calendário de imunização, nos termos do Decreto Estadual nº 30.940, de 30 de setembro de 2021. Ficam dispensados da obrigatoriedade prevista no caput deste artigo os estabelecimentos de alimentação em locais abertos com capacidade máxima de 100 pessoas.

Os municípios também foram orientados a reorganizar as feiras livres e similares, de modo a assegurar o distanciamento social, evitando-se aglomeração de pessoas e contatos proximais, mantendo as condições de higiene dos respectivos ambientes.

Para cumprimento das disposições contidas no decreto, o Estado do Rio Grande do Norte disponibilizará suas forças de segurança aos municípios, por meio das operações do Programa Pacto Pela Vida.


Compartilhe esse post

MORRE MÃE DE BOLSONARO AOS 94 ANOS

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: REPRODUÇÃO

Olinda Bolsonaro, mãe do presidente Jair Bolsonaro, morreu na madrugada desta sexta-feira, 21, aos 94 anos, de causa não revelada pela família. O presidente comunicou a morte da mãe em post nas redes sociais.

“Com pesar o passamento da minha querida mãe. Que Deus a acolha em sua infinita bondade”, escreveu ele no Twitter.

Olinda Bolsonaro estava internada no Hospital São João, em Registro, no interior de São Paulo, desde a última segunda-feira, 17.

A mãe do presidente morava em Eldorado (SP), que fica a aproximadamente 52 quilômetros de distância de Registro e não conta com hospital de referência.

O presidente, que está no Suriname em sua primeira viagem diplomática de 2022, anunciou que se prepara para retornar ao Brasil. Ele chegou ao país nesta quinta-feira, 20, onde se encontrou com o presidente Chandrikapersad Santokhi. Nesta sexta, 21, Bolsonaro viajaria para à Guiana.


Compartilhe esse post

EMPARN PREVÊ PERÍODO COM CHUVAS ACIMA DO NORMAL

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: RAIANE MIRANDA/ASSECOM RN

O cenário para chuvas é favorável para o período de fevereiro a abril de 2022 no Norte do Nordeste do Brasil. Para a região do semiárido do Rio Grande do Norte, o prognóstico é de volumes de normal a acima do normal. Esse foi o resultado divulgado nesta quinta-feira, 20, da Reunião de Análise e Previsão Climática para o Norte do Nordeste do Brasil, coordenada pela FUNCEME – Fundação Cearense de Meteorologia, que contou com a participação da equipe da Empresa de Pesquisa do Rio Grande do Norte (Emparn) e de diversos pesquisadores e especialistas de centros estaduais de meteorologia do Nordeste e outras instituições.

A temperatura das águas superficiais dos oceanos Atlântico e Pacífico, a condição dos ventos alísios de sudeste e o deslocamento da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT) sobre a região foram alguns dos parâmetros que os pesquisadores avaliaram durante a reunião realizada na última quarta-feira, 19, por vídeo conferência.

O Monitor da Seca, do mês de dezembro/21, publicado pela Agência Nacional de Águas (ANA) em janeiro, registrou o recuo da área da seca grave no norte do estado, devido ao aumento das chuvas no mês.

Em 2021, o Rio Grande do Norte registrou chuvas abaixo do esperado na maior parte do seu território. Somente a região do Alto Oeste registrou volumes positivos que variaram entre 800 e 1000 milímetros, em 2021. No restante do RN a média foi abaixo de 600mm.


Compartilhe esse post

RELATÓRIO APONTA QUE BENTO XVI ACOBERTOU CASOS DE PEDOFILIA NA ALEMANHA

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: REPRODUÇÃO/VEJA SP

O Papa Bento XVI sabia de padres que abusaram de crianças quando foi arcebispo de Munique de 1977 a 1982, concluiu um relatório investigativo sobre a arquidiocese nesta quinta-feira, 20. As informações dos investigadores contradizem as negações de longa data de Bento XVI.

“Ele foi informado sobre os fatos”, disse o advogado Martin Pusch em Munique como parte de um painel que anunciou as conclusões da investigação.

“Acreditamos que ele pode ser acusado de má conduta em quatro casos”, disse Pusch. “Dois desses casos dizem respeito a abusos cometidos durante seu mandato e sancionados pelo Estado. Em ambos os casos, os perpetradores permaneceram ativos na pastoral”, acrescentou.

Bento XVI continua negando as acusações, disseram os advogados do escritório de advocacia Westpfahl Spilker Wastl, nesta quinta-feira, enquanto eram reveladas as conclusões do inquérito sobre abuso sexual histórico na Arquidiocese de Munique ao longo de várias décadas.

As descobertas são um julgamento condenatório sobre o ex-papa, então conhecido como Cardeal Joseph Ratzinger, que surge após anos de especulação sobre o quanto ele sabia.

“Durante seu mandato, ocorreram casos de abuso”, disse Pusch, referindo-se a Bento XVI. “Nesses casos, esses padres continuaram seu trabalho sem sanções. A Igreja não fez nada”, completou.

“Ele alega que não sabia de certos fatos, embora acreditemos que não seja assim, de acordo com o que sabemos”, disse Pusch.

O relatório completo deve ser publicado ainda nesta quinta-feira, após seus autores terem detalhado as principais descobertas.

Em um comunicado, o Vaticano disse que aguardaria essa publicação detalhada do relatório antes de comentar mais. “A Santa Sé considera que deve ser dada a devida atenção ao documento, cujo conteúdo é atualmente desconhecido. Nos próximos dias […] a Santa Sé poderá examiná-lo cuidadosamente e detalhadamente”, disse.

“Ao reiterar a vergonha e o remorso pelos abusos cometidos por clérigos contra menores, a Santa Sé expressa sua proximidade com todas as vítimas e reafirma os esforços empreendidos para proteger os menores e garantir ambientes seguros para eles”, acrescentou o comunicado.

Bento XVI, agora com 94 anos, tornou-se o primeiro papa em séculos a renunciar quando deixou o cargo em 2013. Seu mandato foi ofuscado por um escândalo global de abuso sexual na Igreja Católica e as descobertas dos investigadores – que agora o acusam diretamente em um fracasso para prevenir e punir abusos – ameaçam destruir a reputação do ex-pontífice.

Com informações da CNN Brasil


Compartilhe esse post

ÁREA TÉCNICA DA ANVISA DEFENDE CORONAVAC A PARTIR DE 6 ANOS

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: SÉRGIO LIMA/PODER 360

As áreas técnicas da Anvisa defenderam o uso da CoronaVac a partir de 6 anos para crianças e adolescentes não imunocomprometidos. A diretoria da agência decide nesta quinta-feira, 20, se aprova o imunizante para menores de idade.

O parecer técnico foi apresentado pelas Gerência Geral de Medicamentos e Gerência de Farmacovigilância.

As gerências recomendam que a CoronaVac não seja aplicada em menores de idade imunocomprometidos. Essas pessoas possuem mecanismos de defesa contra infecções comprometidos. Por isso, precisam de um cuidado extra.

A vacina da Pfizer é a única autorizada para menores de idade até o momento. Pode ser aplicada a partir de 5 anos –independentemente da criança ou adolescente ser imunocomprometida ou não.

O Instituto Butantan solicitou o uso da CoronaVac a partir de 3 anos. A expectativa é que o imunizante acelere a vacinação de crianças, que começou na semana passada.

O gerente de Medicamentos, Gustavo Mendes, afirmou que “há benefícios e segurança” para o uso da CoronaVac em crianças. Ele disse que o Butantan apresentou mais de 10 estudos no pedido. O principal foi um levantamento de efetividade da CoronaVac em crianças de 6 a 16 anos realizado no Chile. Segundo Mendes, a pesquisa mostrou um indicativo positivo sobre o desempenho da vacina.

A Anvisa consultou associações médicas sobre o tema. As sociedades brasileiras de Pediatria, Imunização e Infectologia recomendaram a aprovação a partir de 6 anos.

“Para qualquer produto é necessário um acompanhamento a longo prazo, isso não quer dizer que as vacinas são experimentais”, disse Mendes.

A decisão será tomada pelos diretores por ser uma solicitação de uso emergencial. Cada diretor lerá seu voto. O uso será liberado por maioria simples.

O diretor-presidente da Anvisa, Antonio Barra Torres, afirmou ser função da agência analisar os pedidos e “oferecer ao Ministério da Saúde e aos gestores de saúde possibilidades de melhor enfrentarem a pandemia”. Mas disse que cabe ao governo federal que decidir “vacinar ou não com o produto que lhe é oferecido”.

Em agosto de 2021, a Anvisa rejeitou o 1º pedido de uso em menores de idade por considerar os dados clínicos insuficientes. Em dezembro, o instituto pediu novamente a liberação.

A CoronaVac é uma vacina desenvolvida pela farmacêutica Sinovac. É produzida no Brasil pelo Instituto Butantan, em São Paulo.

As informações são do Poder360


Compartilhe esse post

IPEM/RN INICIA VISTORIA OBRIGATÓRIA DE MAIS DE 3400 TÁXIS

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: ASSESSORIA DO IPEM

O Instituto de Pesos e Medidas do Rio Grande do Norte – IPEM/RN, órgão delegado do Inmetro, iniciou a vistoria obrigatória dos mais de 3400 táxis em circulação em Natal, Região Metropolitana e Mossoró.

Anualmente, os taxímetros, equipamentos que calculam o valor a ser pago pela corrida com base na combinação entre distância percorrida e tempo gasto no percurso, devem passar por uma verificação realizada IPEM/RN, órgão delegado do Inmetro, que garante o funcionamento correto dos instrumentos.

O cronograma de vistoria, que se iniciou este mês e segue até o mês de outubro, está sendo realizado pelo número final das placas dos veículos. Neste mês de janeiro, a verificação está sendo feita com os táxis de placa final 1, em fevereiro serão as de final 2, em março de final 3, abril – final 4, maio – final 5, junho – final 6, julho – final 7, agosto – final 8, setembro – final 9 e outubro – final 0.

Em Natal e Região Metropolitana, o taxista deve agendar a verificação do taxímetro pelo site: https://servicos.rbmlq.gov.br/, nas cooperativas de taxistas ou no setor de taxímetro do órgão, que funciona de segunda à sexta-feira, das 7h às 13h. Na mesma página também é possível emitir o boleto de pagamento da taxa de vistoria. Já em Mossoró o taxista deve se dirigir a regional do órgão.

Devido a pandemia de Covid-19, para realizar a vistoria os taxistas devem seguir as seguintes recomendações: uso obrigatório de máscara bem como a apresentação do passaporte vacinal para acessar as dependências do órgão, realização da higienização interna dos táxis, manter o distanciamento de 2 metros entre as pessoas, comparecer apenas o condutor do carro para evitar aglomeração e, sobretudo, manter o isolamento social no caso de estar infectado pela Covid-19.

Para identificar se o taxímetro está regularizado e foi verificado pelo IPEM/RN, o consumidor deve observar a presença do lacre, que impede o acesso à regulagem do aparelho, e do Selo do Inmetro com a informação “verificado até 2023”. Caso o lacre esteja rompido, o consumidor não deve aceitar a corrida, pois o aparelho pode apresentar medição incorreta. Em alguns casos poderão ser encontrados taxímetros com a etiqueta “verificado até 2022”, pois, a validade da verificação do instrumento pode ainda estar vigente de acordo com o cronograma de vistorias.


Compartilhe esse post

CONSÓRCIO DO NORDESTE DÁ POSSE A NOVO PRESIDENTE E FAZ HOMENAGEm A ENFERMEIRA POTIGUAR

  • por
Compartilhe esse post

FRANCISCA VALDA DA SILVA É ENFERMEIRA, SERVIDORA APOSENTADA DA UFRN E MEMBRO DO CONSELHO NACIONAL DE SAÚDE / FOTO: DIVULGAÇÃO

O Consórcio Nordeste será presidido em 2022 pelo atual governador de Pernambuco Paulo Campos (PSB). A condução dele ao posto obedece ao rodízio adotado como regra pelos chefes do Executivo dos nove estados da região.

Campos sucede a Wellington Dias (PT), governador do Piauí que assumiu a função em 2021 após o mandato do baiano Rui Costa (PT). O Rio Grande do Norte foi representado na solenidade realizada em Recife (PE) pelo vice-governador Antenor Roberto (PCdoB).

A cerimônia aconteceu na terça-feira, 18, no Palácio das Princesas, sede do governo de Pernambuco. De forma remota, o Consórcio entregou a 11 personalidades da região Nordeste a comenda Celso Furtado por suas contribuições em diversas áreas para o desenvolvimento sustentável do Nordeste e do Brasil.

Economista brasileiro de grande renome, Furtado era um pensador que pesquisava as causas da desigualdade no país. Para além do planejamento e de questões econômicas, para ele a raiz do problema era político.

A enfermeira potiguar e professora aposentada da UFRN Francisca Valda da Silva foi a única representante do Rio Grande do Norte e do Conselho Nacional de Saúde a receber o prêmio.

Servidora pública aposentada da UFRN há mais de 40 anos, Valda trabalha voluntariamente desde 2017 no Conselho, onde coordena a comissão inter-setorial de recursos humanos e relações de trabalho.

“Recebi a comenda pelo desempenho que o Conselho teve na defesa dos trabalhadores do Brasil. O trabalho entrou na agenda do poder”, destacou.

Alvo de ataques nos últimos meses, o Consórcio Nordeste se mantém como iniciativa promissora que agrega os interesses comuns dos 9 estados da região. Para Francisca Valda, a entidade tem procurado resgatar a perspectiva do SUS como bem público.

“O Consórcio Nordeste é uma das iniciativas mais promissoras que aconteceram nos últimos tempos. Uma proposta que traz e fortalece o pacto federativo, a integração regional entre os 9 estados. E essa iniciativa foi fundamental para enfrentar a pandemia, além o próprio cotidiano do SUS. Isso porque o setor privado tem se beneficiado cada vez mais, de 2016 para cá, com processo de mercantilização do SUS”, avalia.

Valda também destaca o papel dos conselhos federal, estaduais e municipais espalhados pelo país na tarefa de controle social. “Os conselhos são reconhecidos como espaços de resistência e direção coletiva”, afirma.

Sobre a condução da pandemia pelo governo do presidente Jair Bolsonaro (PL), a enfermeira aposentada avalia que “o governo trabalhou para ampliar a circulação do vírus”.

“Além do país não ter uma coordenação nacional para enfrentar o vírus, no sentido de fazer uma gestão para fortalecer, o Governo contribuiu para ampliar a circulação do vírus com a proposta da imunidade de rebanho”, afirmou.


Compartilhe esse post

‘É CRIMINOSO DIFUNDIR MENTIRAS’, DIZ PRESIDENTE DA ANVISA EM CRÍTICAS INDIRETAS A BOLSONARO

  • por
Compartilhe esse post

ANTONIO BARRA TORRES DIRETOR- PRESIDENTE DA ANVISA. FOTO: ADRIANO MACHADO/CRUSOÉ

O diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Antonio Barra Torres, criticou a difusão de notícias falsas sobre a vacinação contra a Covid, defendeu a imunização de crianças e, sem citar Jair Bolsonaro, voltou a criticar os posicionamentos do presidente da República.

Nesta quinta-feira, 20, na abertura da sessão para discutir a liberação da Coronavac para crianças, Barra Torres citou dados sobre o avanço da variante Ômicron e afirmou que a cepa não representa o fim da pandemia, como já declarou Jair Bolsonaro.

O contra-almirante da reserva mencionou o aumento de 71% das internações pediátricas em UTIs em São Paulo para justificar a necessidade de vacinação de crianças. Barra Torres afirmou ainda que, em todo mundo, foram registrados 3,7 milhões de novos casos de Covid nas últimas 24 horas.

“Segundo organismos internacionais, o Brasil saiu da nona posição e avançou para a quinta posição em números de Covid em 24 horas. Impressionante ver que, em meio a um cenário que aponta claramente para o avanço da variante Ômicron, ainda há pessoas que dizem que a pandemia está acabando, que a chegada da variante sinaliza um tempo melhor, sinaliza o fim da pandemia, os números não mostram isso. É criminoso buscar difundir mentiras. Isso não é razoável”, afirmou Barra Torres.

“Eu gostaria de saber o que os disseminadores de fake news têm a dizer sobre o aumento de 71% de crianças em UTIs. Será que os disseminadores de fake news vão noticiar isso? Penso que não”, declarou o presidente da Anvisa, durante a abertura da sessão da diretoria colegiada da agência.

As informações são da Crusoé


Compartilhe esse post

SESAP DISTRIBUI 500 MIL TESTES RÁPIDOS DE COVID PARA MUNICÍPIOS DO RN

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: SESAP/ASSECOM

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) está distribuindo nesta quinta-feira, 20, um total de 500 mil testes rápidos para o diagnóstico da Covid-19 aos 167 municípios do Rio Grande do Norte.

Os testes enviados pelo Ministério da Saúde são do tipo Swab que vão permitir a ampliação do acesso ao diagnóstico da Covid nas unidades básicas de saúde, centros Covid e outras localidades que os municípios utilizem para o fácil acesso da população.

A indicação é para que a testagem seja feita a partir de 48h após o surgimento dos primeiros sintomas respiratórios. De acordo com Kelly Lima, coordenadora de Vigilância em Saúde da Sesap, o resultado negativo do exame não implica necessariamente na retomada das atividades. “As pessoas com quadro de síndromes gripais devem permanecer isoladas para que a disseminação do vírus diminua no estado. Para quem testar positivo é importante que essas pessoas possam garantir o acesso aos testes também de seus familiares, especialmente os mais vulneráveis, para proteger essas pessoas e evitar novos óbitos”.

A Sesap reforça ainda a necessidade de manter as medidas de proteção como o uso de máscara e evitar aglomerações, além da importância da vacinação a todas as faixas etárias já elegíveis.


Compartilhe esse post

POLICIAIS CIVIS E SERVIDORES DA SEGURANÇA PARALISAM ATIVIDADES A PARTIR DA PRÓXIMA TERÇA

  • por
Compartilhe esse post

FOTO: DIVULGAÇÃO

Os policiais civis e servidores da Segurança decidiram, após assembleia geral realizada na manhã desta quinta-feira, 20, paralisar as atividades a partir de terça-feira, 25.

De acordo com o Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública do Estado do Rio Grande do Norte – SINPOL/RN, os policiais civis estão lutando pela não retirada do Adicional por Tempo de Serviço (ADTS) da categoria, uma vez que existe uma ação para acabar com esse direito. Caso isso aconteça, haverá redução real de salário de até 35%.

O SINPOL-RN afirma ainda que vem negociando com o Governo do Estado para impedir essa redução de salário, no entanto, até o momento não houve avanço.

“Existem prazos e a categoria está aflita com a possibilidade real de ter seu salário reduzido repentinamente. Por isso, realizamos a assembleia geral e foi aprovado por unanimidade a paralisação. Esperamos que o Governo se sensibilize e volte a negociar conosco para encontrarmos uma saída para este problema”, afirmou Edilza Faustino, presidente do SINPOL-RN.

Sobre os servidores da Segurança, a categoria afirmou que espera há anos pela implantação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração. “É um grupo pequeno de pouco mais de 50 servidores e até hoje nenhum Governo quis olhar para eles com o devido respeito. Então, é mais do que justo que essa pauta seja negociada e avance”, completou Edilza.


Compartilhe esse post